Museus do Dragão do Mar participam da 14ª Primavera dos Museus

Anualmente realizada no mês de setembro, sob coordenação do Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM, a Primavera dos Museus chega à sua 14ª edição, unindo instituições museológicas do Brasil, durante uma semana, em torno de atividades para todos os públicos. Do dia 21 ao dia 27, o Museu da Cultura Cearense e o Museu de Arte Contemporânea integram a programação, que este ano tem como tema “Mundo Digital: Museus em transformação”.

Na Primavera dos Museus 2020, os Museus do Dragão do Mar convidam o público a refletir sobre a dinâmica deste “novo” modo de funcionamento, mobilizando equipe e parceiros, educadores, escolas, pessoas com deficiência, poetas, pesquisadores e artistas para apresentarem e debaterem suas questões a partir da reinvenção nas plataformas virtuais.

Parte da programação enfatiza ainda o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, datado em 21 de setembro, e ações em torno das datas que evocam a visibilidade da comunidade surda: o Dia Mundial da Língua de Sinais, comemorado no último dia 10, o Dia Internacional do Surdo, celebrado no dia 20 de setembro, e o Dia Nacional dos Surdos, em 26 de setembro.

Abrindo a sua participação na 14ª Primavera dos Museus, o Museu da Cultura Cearense lançou, no último dia 10, em parceria com o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) da Regional IV, o Programa de Extensão Pasárgada: Promoção de Arte, Saúde e Garantia de Direitos e o Programa de Educação Tutorial (PET) do Curso de Psicologia da Universidade Federal do Ceará – UFC, a exposição virtual “Mascaral: variando sentidos e cuidados”, que poderá ser conferida até o dia 10 de outubro de 2020 no site do Dragão do Mar .

Cerca de 30 imagens exploram a metáfora das máscaras e abordam a relação entre vida e arte, fruto do trabalho de cuidado terapêutico mantido virtualmente durante o período de isolamento social. O MCC também realizou, junto a uma escola da rede pública de Fortaleza, na última terça-feira, 15 de setembro, edição virtual do projeto Museu vai à Escola, levando para o ambiente virtual a formação de estudantes na educação patrimonial.

Publicidade
Publicidade
Publicidade