Maisa revela consequência sobre seu trabalho na televisão: “menina monstro”

A queridinha do SBT, Maisa Silva, participou do programa “Provacações”, da TV Cultura, e revelou detalhes de como foi crescer sob os holofotes da fama. Ela falou sobre situações desconfortáveis vividas no colégio, consequências do seu trabalho desde cedo na TV.

A jovem celebridade relembrou que, entre os seus 6 e 7 anos de idade, sofreu bullying na escola. Maisa contou que foi apelidada de “menina monstro” pelos outros estudantes. Isso, porque o programa “Pânico”, na época, possuía um quadro de paródia com Silvio Santos, no qual chamavam Maisa de “Malisa, menina monstro”.

“Gritavam: ‘Não encosta nela que você vai virar um monstro’. Eu ficava triste. Nessa época, eu tinha uns 6, 7 anos. Ficava triste porque conhecia o pessoal do Pânico e sabia que era brincadeira, mas meus amiguinhos não”, contou a apresentadora.

Maisa Silva, hoje com 17 anos, comanda um programa só dela nas tardes de domingo do SBT, o “Programa da Maisa”. O talk show conta também com a presença do humorista Oscar Filho e recebem diversos famosos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade