Ludmilla defende Neymar após caso de racismo

A cantora Ludmilla usou sua conta no Twitter na madrugada desta segunda-feira (14) para defender Neymar. O jogador do Paris Saint-Germain (PSG) acusou o adversário Álvaro González, do Olympique de Marselha, de chamá-lo de macaco durante partida do último domingo (13).

“Até quando? Racismo é crime! Fogo neles, Ney! Estamos juntos sempre”, escreveu a cantora. Revoltada com o fato de o caso de racismo ter sido mais um no meio de tantos, ela ainda desabafou sobre a discriminação.

“Para a branquitude não adianta se você é o melhor no que faz. Se é bem-sucedido. Ainda assim, eles olham primeiro para a sua cor. Também não importa se a gente tem a pele mais clara ou mais escura. Eles sempre sabem quem nós somos. E como nos ferir! Ontem comigo, hoje com Neymar”, completou.

Veja o post:

https://twitter.com/Ludmilla/status/1305318867720376321?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1305319036499226624%7Ctwgr%5Eshare_3&ref_url=https%3A%2F%2Fnoticiasdatv.uol.com.br%2Fnoticia%2Fcelebridades%2Fludmilla-defende-neymar-apos-jogador-acusar-adversario-de-chama-lo-de-macaco-42476
Publicidade
Publicidade
Publicidade