Lucas Penteado rebate acusações da ex-noiva e nega ser usuário de drogas

O ator Lucas Penteado rebateu as acusações da ex-noiva, Júlia Franhani, que afirmou que o artista era usuário de drogas. As acusações da ex-noiva do ator começaram após o ex-BBB filmá-la, ao vivo, em uma transmissão nas redes sociais, e acusá-la de traição.

“A Assessoria de Lucas Penteado esclarece que o ator jamais pretendeu que a ex-noiva fosse alvo de ofensas e ameaças nas redes sociais, após a live feita por ele no Instagram, na noite do último dia 30 de setembro. Em razão disso, logo após, Lucas pediu em suas redes sociais que os ataques a ela cessassem imediatamente. O ator ainda esclarece que no dia dos fatos não estava alcoolizado ou teria usado drogas antes de fazer a live naquela noite, o que pode ser atestado por testemunhas. No mesmo sentido, Lucas afirma que não furtou ou se apropriou de qualquer objeto ou pertence da ex-noiva, como celular e documentos, assim como não invadiu a privacidade, nem trocou senhas dela em redes sociais e aplicativos. Lucas Penteado, seus familiares e assessoria se colocam a disposição para dialogar com a família de Julia Franhani”, diz a nota.

Lucas Penteado ainda está sendo investigado por uma possível paternidade. “Com relação ao processo de investigação de paternidade proposto por uma ex-namorada, o ator esclarece que ela já tinha proposto a mesma ação em 2016, mas após Lucas ser submetido ao exame de DNA junto ao IMESC (Instituto de Medicina Social e Criminologia de São Paulo), o resultado foi negativo e as duas peritas do Instituto Oficial concluíram que Lucas não era o pai biológico da criança. Se de fato fosse o pai, o ator jamais se eximiria de suas responsabilidades e certamente reconheceria e exerceria plenamente a paternidade. Lucas está a disposição do Poder Judiciário para ser intimado e, se necessário, ser submetido a novo exame de DNA”, completou.

Publicidade
Publicidade
Publicidade