Empresário acusa Rafinha Bastos de difamação e busca sua condenação na Justiça

O youtuber Rafinha Bastos pode ser preso por difamação contra o empresário Ramiro Sanches, sócio do Clube do Valor Empreendimentos Digitais. Ele apresentou uma queixa crime contra o ex-apresentador do CQC por um vídeo no YouTube intitulado ‘Como não cair em golpes’ em que ele, PC Siqueira e Cauê Moura afirmam que “quem compra um curso de R$ 1,5 mil dado por um banana são trouxas e otários”.

Segundo a colunista Fábia Oliveira, do O Dia, o empresário não pensa em fazer um acordo com o trio. A ação penal está em andamento contra os youtubers, que deverão comparecer à audiência virtual, realizada no próximo dia 19 de abril, às 17hrs. Ainda de acordo com a jornalista, a sessão vai ser presidida pela juíza Sonia Nazaré Fernandes Fraga. Entretanto, mesmo condenados, os três são réus primários e poderão ser beneficiados com o regime aberto e pagamento de multa.

O vídeo em que o empresário utiliza como prova do crime faz parte do canal ‘Ilha dos Barbados‘, em que Rafinha Bastos, PC Siqueira e Cauê Moura eram sócios. A página, no entanto, saiu do ar após PC Siqueira ser acusado de cometer crime de pedofilia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade