Caio Castro é condenado a pagar R$ 7 mil por agressão a fotógrafo

Caio Castro foi condenado a indenizar em R$ 7 mil o fotógrafo André Ligeiro. Em 30 de dezembro de 2016, o ator foi expulso de uma festa em Trancoso, na Bahia, após agredir o profissional, que fazia imagens de quem estava na balada.

Na época, testemunhas afirmaram que Caio deu uma cabeçada no fotógrafo, que saiu do local sangrando e acabou levando três pontos no supercílio.

A decisão, tomada em primeira instância, foi publicada no Diário Oficial. Ainda cabe recurso. Confira a nota enviada à imprensa pela assessoria do ator:

“A assessoria do ator Caio Castro afirma que a ação tramita em segredo de justiça por isso respeitando uma decisão judicial não iremos nos pronunciar sobre o caso e os advogados do ator estão em busca do responsável pelo vazamento das informações que serão responsabilizados nos termos da Lei.”

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade